WLSA WLSA WLSA WLSA WLSA WLSA WLSA

As fotos no cabeçalho são
da autoria do CDFF 

Eventos

Marcha pela liberdade de expressão:

Liberdade de Expressão

Marcha por Gilles Cistac:

Marcha Gilles Sistac

Marcha pela igualdade

Marcha2014_left

Contra violação dos direitos humanos no Código Penal

Diganao2

Concurso de fotografia

Vencedores da 2ª edição

Concurso2_Fotografia3

Marcha pela paz

manifesto_sq

Desfile do 1º de Maio

1maio07_peq

DSR_small
Prémio da Rede de Defesa dos Direitos Sexuais e Reprodutivos 2012

Anúncio dos vencedores

Marcha de Solidariedade

Marcha02_small

Fotos da Marcha de Solidariedade dos Povos da SADC (2012)

Multimedia

Não é fácil ser mulher ...

naoehfacil_peq

... em Moçambique

Aborto. Pense nisso...

Aborto_small

(Material usado em acções de formação da WLSA)

Perigo de morte!

perigo_de_morte3

O aborto ilegal em Moçambique

Quem vai querer dar a luz aqui?

Fatima

O estado em que se encontram alguns dos postos de saúde em Cabo Delgado

"Alzira"

Alzira_small

Filme produzido pela WLSA Moçambique sobre sobre uma jovem que, até há pouco tempo, vivia com fístula obstétrica.

"Omitidas"

Brochura elaborada pela WLSA Moçambique sobre o problema da fístula obstétrica - um drama que atinge cerca de 100.000 mulheres em Moçambique.

Omitidas

Clique aqui para descarregar a brochura (em PDF)

Leia mais sobre fístula obstétrica

Contra a violência de género

Jogos05_small

A sociedade civil manifestou-se na inauguração dos X Jogos Africanos

Vovós acusadas de feiticeiras:

Nely_peq

Breves

Consulte o directório sobre ONGs em Moçambique

joint_logo
12
Nov
2014

A JOINT, Liga de ONGs em Moçambique, no âmbito da sua actuação, criou um directório das ONGs em Moçambique que pode ser consultado online.

A JOINT, Liga de ONGs em Moçambique, tem por MISSÃO “Ligar e fortalecer as Instituições da Sociedade Civil com vista a melhorar a acção colectiva para o Bem Comum e o diálogo com o Governo e o Sector Privado”.

Segundo o seu website (www.joint.org.mz), a JOINT declara ter “como principal papel facilitar o fortalecimento do papel da Sociedade Civil Moçambicana na promoção do exercício livre e associativo, neutral e activo, na participação em todas as fases do crescimento sócio económico de Moçambique promovendo e articulando a ligação dos actores chave da sociedade civil moçambicana, de forma livre, dinâmica, transparente e engajada na defesa dos direitos e liberdades da cidadania orientada nas seguintes áreas de actuação:

  1. Democracia Boa Governação – Melhoramento dos instrumentos informativos, educacionais e comunicaçionais a nível nacional garantindo uma coordenação rápida e eficiente da Sociedade Civil.
  2. Direitos Humanos e Promoção da Mulher – Melhoramento das relações sociais entre homens e mulheres por via de questionamento de normas negativas predominantes com vista a promoção da equidade de género sobre a SSR e prevenção do HIV/SIDA com o envolvimento masculino.
  3. Monitoria & Avaliação de Políticas Públicas.
  4. Desenvolvimento Institucional”.

No âmbito da sua actuação, a JOINT está a produzir um directório das ONGs em Moçambique, que, embora em desenvolvimento, pode já ser consultado, clicando aqui.

14 comentários a “Consulte o directório sobre ONGs em Moçambique”

  1. raisha diz:

    boa tarde gostaria de saber se pretendem abrir em chimoio uma ONG.

  2. Cremildo Cumbane diz:

    Bom dia, gostaria de saber se o governo moçambicano financeia as ongs em moçambique?

  3. Maria Arthur diz:

    Na grande maioria, que eu tenha conhecimento, não.

  4. nakasinde katashira emmanuel diz:

    Boa noite, gostaria de trabalhar na area da paz e desenvolvimento duravel, quais sao as criterios de crear uma ong desse genero?, tenho muita experienca na area.

  5. Boa Tarde, gostamos desta pagina e gostariamos de ter uma parceria com a V. Instituicao. Somos uma Associacao Uniao para a Properidade.
    • Associação União Para Prosperidade, é uma pessoa colectiva de direito privado sem fins lucrativos, dotada de personalidade jurídica e de autonomia administrativa e financeira, constituída em termos da lei em vigor em Moçambique, regendo – se pelos presentes estatutos e demais legislação aplicável em vigor no país.
    Quais são os objectivos da AUPP?
    • Empoderar as comunidades através de formação e capacitação em Habilidades para a vida, Empreendedorismo, Desenvolvimento Comunitário, Educação Moral, Civica e Religiosa, Prevenção e Mitigação do HIV/SIDA/SSR/DROGA/ÁLCOOL, com maior enfoque para o adolescente e jovens raparigas, Boa Governação;
    • Apoiar a educação e a participação da rapariga e COV’s na sociedade;
    • Promover a participação dos adolescentes e jovens em trabalhos voluntários de apoio às comunidades;
    • Promover actividades recreativas, desportivas, artísticas e culturais como forma de ocupar os tempos livres dos adolescentes e jovens;
    • Promover accções de caridade através de doações como forma de ajudar o próximo;
    • Cooperar com organizações afins ao nível local e internacional, assim como com instituições do Governo, com vista a integração efectiva dos jovens em programas de desenvolvimento;
    Visão
    • Olhar o próximo de forma próspera, integrando acções de responsabilidade social, livre de pandemias (HIV/SIDA/DROGA), investimento na Educação Cívica, Moral do homem, ontem, hoje e amanhã.
    Missão
    • Contribuir para que as comunidades sejam livres do HIV/SIDA, onde todos tenham acesso e oportunidades aos serviços de saúde sexual e reprodutiva de qualidade, sem qualquer descriminação, promovendo todos direitos sexuais e reprodutivos, Saúde Mental e o bem-estar, através de assistência social, sócio educativa, cultural, moral, despertando o amor ao próximo, prosperando o futuro.

  6. Rosária Bofana diz:

    Gostaria de ter uma conversa restrita para algumas áreas

  7. Anisio jonas diz:

    bom dia, gostaria saber como faço para servir como voluntário numa ONG ?

  8. Pedido de parcerias no âmbito de promoção da entidade de género em parcerias com a pastoral da criança de Moçambique
    Paulo goze UAIA
    CORDENADOR NACIONAL

  9. Wian Augusto Traquino diz:

    imPORTANCIA DAS ONG’S NA PROMOCAO DE EDUCACAO EM MOCAMBIQUE.

  10. Sheila Elias Matcheque diz:

    Como faço para fazer parte de uma ONG??

  11. Ana Nhantumbo diz:

    Que procedimentos seguir para fazer parte de uma ONG ?

  12. Ernesto Matique diz:

    Boa tarde caros membros da Joint!
    A AMACO solicita que lhe seja enviado um exemplar do Diretório das ONG´s Moçambicanas para que possa conhecer as actividades de outras e estabelecer parcerias e troca de experiencias.
    Cordiais saudações.

    Ernesto Matique

    ___________________
    (Director Executivo)

  13. Ernesto Matique diz:

    AMACO-Associação Moçambicana de Apoio a Comunidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pesquisa

Novidades

Novos livros

Entre a denúncia e o silêncio

Capa do livro

Participação política em contexto eleitoral

Capa do livro

Eleições Autárquicas 2013

Capa do livro  

setacinza A repressão policial das feministas e a expulsão de Eva Moreno


Cartazes sobre o Código Penal

Cartaz contra o Artigo 46 do Código Penal  

Tiras da Feminista Durona

A Feminista Durona

setacinza Veja todas as tiras da Feminista Durona


Artigos adicionados recentemente


WLSA / @ Verdade:

Acompanhe a distribuição do jornal A Verdade nos subúrbios de Maputo setacinzaReportagens e artigos da WLSA em parceria com o jornal @ Verdade.

Lista de todas as matérias


A revisão do Código Penal deve respeitar os direitos humanos das mulheres

Clique aqui para ver alguns vídeos sobre a violação sexual de menores e a violação no casamento - dois crimes contra os quais o Código Penal revisto não protege cabalmente.

Campanha "Palavras de Esperança" (El Salvador)


setacinza Em defesa da paz: organizações de mulheres escrevem ao Presidente da República e ao Presidente da Renamo

Novo livroA WLSA lançou um novo livro: "A Lei da Família e a igualdade de direitos - um balanço da sua aplicação"

aCapa do livroRepresentações e práticas da sexualidade dos jovens e a feminização do SIDA em Moçambique (2007); relatório de pesquisa


setacinza Mulheres corajosas

Viagem no mundo das fístulas vesico-vaginais Um depoimento apaixonado e emocionante de um cirurgião que dedicou a sua vida a salvar mulheres que vivem com fístula obstétrica, uma condição incapacitante e que leva à discriminação e ao isolamento social.

Conferência Nacional sobre Violência de Género

Cartaz da Conferência Nacional sobre a Violência de Género
Maputo, 28 a 29 de Novembro 2012

setacinza Apresentações e discussões

setacinza Comunicado final

setacinza Fotos da Conferência

setacinza Documento da Conferência

setacinza Programa da Conferência


Entrega do Prémio da Rede de Defesa dos Direitos Sexuais e Reprodutivos 2012

setacinza Veja o anúncio dos vencedores

Código Penal: Graça Machel toma posição

Graça Machel, Presidente da Fundação para o Desenvolvimento da Comunidade, posicionou-se sobre a revisão do Código Penal, subscrevendo as demandas da sociedade civil. Veja as cartas que ela endereçou a diversas personalidades da Assembleia da República.

Revisão do Código Penal

Direitos iguais no Código PenalA Assembleia da República (AR) está a preparar uma revisão do Código Penal, que data de 1886.

setacinza Nota ao Parlamento

Preocupado com o rumo que está a tomar a revisão do Código Penal, um grupo de organizações da Sociedade Civil diriguiu uma nota à AR. setacinza Carta da Rede de Defesa dos Direitos Sexuais e Reprodutivos
Logo da Rede DSR

Factsheet

Informação sobre os Direitos Sexuais e Reprodutivos das mulheres em Moçambique, recolhida pela Rede de Defesa dos Direitos Sexuais e Reprodutivos

A Voz de America sobre o caso de violação colectiva em Pemba:

Escute o texto do artigo em português

Os "talibans" de Moçambique...

A violação de uma mulher por 17 homens é justificada em nome do respeito pela tradição...
Clique aqui para ler os artigos já publicados pela WLSA Moçambique.
Mulher e Lei na África Austral - Moçambique