WLSA WLSA WLSA WLSA WLSA WLSA WLSA

As fotos no cabeçalho são
da autoria do CDFF 

Eventos

Campeonato de futebol:

“Unidos Contra a Violência Sexual”

Vamos falar de aborto!

(mesa redonda)

Mulheres Jovens sob Ataque (debate)

V Conferência Nacional da Rapariga

Marcha pela liberdade de expressão

Liberdade de Expressão

Marcha por Gilles Cistac

Marcha Gilles Sistac

Marcha pela igualdade

Marcha2014_left

Contra violação dos direitos humanos no Código Penal

Diganao2

Concurso de fotografia

Vencedores da 2ª edição

Concurso2_Fotografia3

Marcha pela paz

manifesto_sq

Desfile do 1º de Maio

1maio07_peq

DSR_small
Prémio da Rede de Defesa dos Direitos Sexuais e Reprodutivos 2012

Anúncio dos vencedores

Marcha de Solidariedade

Marcha02_small

Fotos da Marcha de Solidariedade dos Povos da SADC (2012)

Multimedia

Não é fácil ser mulher ...

naoehfacil_peq

... em Moçambique

Aborto. Pense nisso...

Aborto_small

(Material usado em acções de formação da WLSA)

Perigo de morte!

perigo_de_morte3

O aborto ilegal em Moçambique

Quem vai querer dar a luz aqui?

Fatima

O estado em que se encontram alguns dos postos de saúde em Cabo Delgado

"Alzira"

Alzira_small

Filme produzido pela WLSA Moçambique sobre sobre uma jovem que, até há pouco tempo, vivia com fístula obstétrica.

"Omitidas"

Brochura elaborada pela WLSA Moçambique sobre o problema da fístula obstétrica - um drama que atinge cerca de 100.000 mulheres em Moçambique.

Omitidas

Clique aqui para descarregar a brochura (em PDF)

Leia mais sobre fístula obstétrica

Contra a violência de género

Jogos05_small

A sociedade civil manifestou-se na inauguração dos X Jogos Africanos

Vovós acusadas de feiticeiras:

Nely_peq

Revista de Imprensa

Lista completa: 2477 recortes.

Pontos focais de género formam-se em Chidenguele

29/08/2019 - - PDF

Autor: Langa, César

Cerca de 150 pontos focais do género do Ministério Público participaram de uma formação em matéria de legislação sobre género na promoção de igualdade de direitos entre homens e mulheres perante a lei, no posto Administrativo de Chidenguele, distrito de Manhiça, na província de Gaza.

Antigo Presidente do INE: Votar Moçambique aplaude “postura íntegra” de Rosário Fernandes

28/08/2019 - - PDF

O consórcio de or­ganizações da sociedade civil que fazem o grupo denominado “Votar Moçambique” considera que a decisão tomada por Rosário Fernandes, antigo Presidente do Instituto Nacional de Es­tatística (INE), demonstra uma “postura íntegra como servidor público”.

Bangladesh: Retirada palavra “virgem” das certidões de casamento

28/08/2019 - - PDF

O governo do Bangladesh decidiu retirar a palavra “virgem” das certidões do casamento, naquilo que é considerado como um passo rumo à igualdade de direitos entre homens e mulheres naquele país.

Segundo DIACONIA: Combate de situações que limitam desenvolvimento da rapariga regista progresso no país

28/08/2019 - - PDF

Moçambique regista progressos no combate a situações que limitam os sonhos da rapariga. A constatação é da Organização Não-governamental Diaconia que destaca sucessos na luta contra os casamentos prematuros.

Tratamento de cancros: Isaura Nyusi pede apoio às empresas russas que operam na indústria extractiva

27/08/2019 - - PDF

A esposa do Presidente da República Isaura Nyusi apelou na Rússia às empresas daquele país que já operam na indústria extractiva para ajudarem Moçambique na aquisição de equipamento de ponta para o tratamento de cancro. Entende que através de acções de responsabilidade social estas companhias podem contribuir na melhoria da saúde da mulher e da criança.

Para tratamento igual entre os sexos: Universidade Politécnica cria Núcleo de Género

26/08/2019 - - PDF

Para desenvolver acções com vista ao tratamento igual para ambos os sexos, em relação a qualquer tipo de actividade, particularmente na
esfera universitária, a Universidade Politécnica criou, recentemente, o Núcleo de Género, cujas políticas serão aprovadas nos Conselhos Universitários, a realizarem-se em Outubro próximo. Trata-se de um núcleo que vai incidir as suas actividades sobre três pontos principais,
nomeadamente as questões de género, o assédio e a protecção às minorias.

Uniões prematuras no país: Legislação é importante e bem-vinda, mas a “vontade política é central” Conceição Osório

26/08/2019 - - PDF

A Assembleia da República (AR) aprovou, a lei de prevenção e combate as uniões prematuras. Segundo Conceição Osório a lei ” é importante e bem-vinda”, mas defende a transformação do assunto das uniões prematuras numa “questão pública”, porque mexe com os direitos e liberdades dos cidadãos. Há necessidade de a classe política assumir, de forma realística, o combate a estas práticas, apontando a ” vontade política” como um elemento primordial para a erradicação das mesmas.

Revista de Imprensa

Pesquisa

Fontes

Mulher e Lei na África Austral - Moçambique